sábado, 28 de janeiro de 2017

ESCOLA FAMÍLIA AGRÍCOLA DE MARABÁ REALIZOU II SARAU


A Escola Família Agrícola Professor Jean Hébette, promoveu dia 21, o II Sarau, no âmbito do ENCONTRO DAS FAMÍLIAS e PARCEIROS/AS DA EFA, o evento aconteceu em sua sede, localizada no km 23, da Rodovia Transamazônica (BR 230 sentido Itupiranga), município de Marabá. Tendo por objetivo geral de assegurar e garantir através da EFA o direito a Educação do Campo para jovens rurais, suas famílias e comunidades. A EFA tem como lema: “É possível produzir conhecimentos e alimentos agroecológicos”.
A programação do Sarau começou a partir das 20:00 horas, e ocorreu no espaço denominado “Praça Ecológica Yank Torres”, contou com a participação de mais de 100 pessoas. Entre estas, escritores/as da Associação dos Escritores do Sul e Sudeste do Pará (AESSP), da Academia de Letras do Brasil (ALB) Seccional do Sul e Sudeste do Pará, Instituto Hozana Lima Abreu e estudantes do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Estado do Pará (IFPA – Campus Rural).
O Sarau foi coordenado pela educadora da EFA e poetisa Glecia Sousa, que recebeu a colaboração e participação de: Airton Souza (ALB), Moreira Filho, Lusa Silva, Francisco Balbino, Rose Pinheiro, Adão Alameida Dos Santos, Auridéa Auridea Moraes Moraes, Cordelista Uchôa de Castro, Evilangela Lima, José Ferreira Dos Santos, Gabi Silva, André Souza, Walquiria Walquiria Sampaio Gouveia, Leonice Souza, Leonardo Souza, Maria de Jesus e Wal Oliveira.
Na ocasião teve a exposição de fotos de alunos de 2003 fornecidas por Sinara Albuquerque (ICMBio e egressa da EFA) uma espécie de memória dedicada a Yank Torres. Socialização dos trabalhos realizados pelos educandos/as do 6°ao 9° anos da EFA ( poemas, paródias, cordéis, repentes e desenhos sobre o ciclo do trabalho escravo). Alunas do IFPA e outros participantes interagiram e recitaram poemas de escritores/as regionais.
Foram 40 minutos intensos e prazerosos com gostinho de quero mais. Aí veio uma abençoada chuva e fez com que todos se retirassem da praça e fosse para o salão de festa. “O que podemos concluir como um sarau proveitoso, pois o que se espera é o encantamento do público e a interação. O que houve de fato. E rendeu até homenagens em cordéis após o sarau.” Avaliou Glecia.
Depois do II Sarau e da chuva o Encontro terminou com uma Festa da Roça até o dia amanhecer com a banda Suing Bom de Forró com os cantores Rayeck e Rayeck Jr. dos Teclados e convidados.

Nenhum comentário: