segunda-feira, 26 de setembro de 2016

Eleições 2016: PSOL é a alternativa de mudança diante dos três nomes


Finalizamos a Série Eleições 2016: Coligações Proporcionais (Vereadores) com o Partido Socialismo e Liberdade (PSOL/50) nascido da dissidência política com o PT, propõe o “Socialismo com democracia, como princípio estratégico na superação da ordem capitalista”. O PSOL foi à primeira agremiação partidária de Marabá a ter os registros de candidaturas deferidos de seus militantes pelo sistema do (TSE).

O PSOL, considerando a densidade eleitoral dos seus/suas membros/as e os princípios do partido, em Marabá não fez coligação, vem puro sangue e se propõe a fazer a defesa de um amplo programa que prevê mudanças radicais para políticas públicas. Neste sentido, confiando fazer o quociente partidário e conseguir eleger um vereador, o partido lançou treze (13) nomes e aguarda um bom debate em torno de ideias. Lembrando que na eleição de 2012 foi de 5.269 votos (coeficiente) para dar direito a uma vaga. O PSOL com PSTU chegou a 1.166 votos.

Adicionar legenda
O candidato a prefeito é PROFESSOR RIGLER– docente da Universidade Federal do Sul de Sudeste do Pará (UNIFESSPA), é natural de Belém (PA), iniciou sua militância política na região no município de Parauapebas onde também foi professor. Na eleição passada foi candidato a deputado federal e obteve 542 votos, tem como vice o advogado Elho Araújo, também do PSOL.


NO PSOL AINDA EXISTEM OS/AS CANDIDATOS/AS PERSISTENTES NA POLÍTICA QUE VÃO TENTAR MAIS UMA VEZ, ACREDITANDO AMPLIAR OU MANTER A VOTAÇÃO:

O Conselheiro Tutelar GEORGETOWN Pinheiro Rodrigues – licenciado em História, e pós-graduado em metodologia do de Ensino História, casado pai de três filhos, nascido e criado no Bairro Francisco Coelho mais conhecido como “Cabelo Seco”. Iniciou a vida profissional como cobrador de ônibus da empresa de transporte público coletivo Transbrasiliana. Na defesa dos trabalhadores/as foi eleito quatro vezes para Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA), participou como testemunha de processos judiciais em prol de motoristas e cobradores.

Em 2010 ampliou sua militância política para área da infância e juventude, sendo eleito Conselheiro Tutelar de Marabá. Onde tem atuado de forma exemplar para que as crianças e adolescentes tenha acesso garantido a educação, saúde, assistência social e profissionalização. Bem como o combate aos maus tratos, abusos e exploração sexual.
Para vereador foi o mais votado do PSOL em 2012 com 224 sufrágios e reeleito conselheiro tutelar com 690 votos, o segundo mais votado. 

Propostas de Georgetown para uma Marabá Melhor: ampliação da oferta de vagas na Educação Infantil; Fiscalização do Executivo para correta aplicação dos recursos financeiros; projetos de capacitação profissional; valorização dos/as funcionários do transporte público urbano; implantação da Casa de Apoio dos/as Agricultores/as; ampliação dos espaços esportivos incluindo os esportes radicais; implantação do Orçamento da Criança e do Adolescente (OCA); apoio a eventos culturais; estimular a iniciativa privada a fazer doações para o Fundo da Criança e do Adolescente de Marabá (FIA). Entende que “viver é lutar. É hora de mudar”.

O mototaxista EMÍDIO NUNES ou MINGAU – este apelido recebeu na infância por colegas que presenciava sua mãe lhe alimentando com uma “papinha”, solteiro e pai de filhos, cursando do curso de Serviço Social na Universidade Paulista (UNIP), exerce a profissão de mototaxista, faz parte do SIMDIMOTO, coordenador da FENAMOTO (Federação Nacional), atualmente sou suplente do conselho tutelar e também conselheiro fiscal do Conselho Escolar da Escola "Jarbas Passarinho "São Félix Pioneiro. Já disputou várias eleições dentre elas às Associações de Moradores da Folha 33, e do Residencial Tocantins. Participante ativo, de quase todos os movimentos sociais, desde 2009 até agora somadas mais de 50 (cinquenta) mobilizações nossas, dentre elas fechamentos de ruas, rodovias estaduais e federais, e até ferrovias, só chegamos a fazer isso porque infelizmente não somos ouvidos. Também já fizemos várias denúncias soma mais de 220 (duzentos e vinte) na impressa, local, regional, estadual e até nacional. Destaque: Ação no Ministério Público Federal (MPF) solicitando o Viaduto da Folha 33 e Ação no Ministério Público Estadual (MPE). Além abaixo-assinado cobrando e exigido punição pro gestor municipal, porque não está fazendo cumprir a lei federal dos mototaxistas.  Já foi candidato a vereador em 2012 obteve 129 sufrágios e para deputado estadual em 2014 teve 615 votos em Marabá.
Propostas para o mandato de Emidio voltadas principalmente para a categoria dos MOTOTÁXI: lei para que cada moto táxi possa indica seu auxiliar; criação de 10 (dez) pontos modernos, incluindo sala de descanso; criação do restaurante e oficinas de autopeças a preços baixos em parceria do poder público, entidades de classes e iniciativa privada; criação da sede campestre para atividades esportivas, sociais; fiscalização continua dos transportes irregulares (clandestinos) com acompanhamento das entidades; parcerias para comerciais (campanhas publicitárias) nas televisões, rádios, jornais escritos e outros meios de comunicação incentivando o uso do transporte legalizado e equipamentos de segurança; aumento para 08 (oito) anos tempo de uso da moto; manter uma mesa permanente de discussões do poder público com as entidades representativas de classe; criação de um centro de acompanhamento para as famílias dos companheiros que esteja passando por necessidades (psicológicas, financeiras e outras).


PROPOSTAS PARA OS RESIDENCIAIS POPULARES DOS NÚCLEOS SÃO FÉLIX, E MORADA NOVA:  compromisso de Lutar na câmara municipal por: construção de um Posto de Saúde em cada Residencial; construção de Creches e Escolas de Ensino Fundamental; criar mais linhas de ônibus para circular dentro dos residenciais integrando aos demais núcleos urbanos; coleta de lixo regular e o eficiente;  funcionamento do esgotamento sanitário; construção de espaços de lazer; melhorar o abastecimento de água dos residenciais; implantação de postos da Guarda Municipal nos residenciais com apoio e infraestrutura necessária para bom serviço segurança. Mesmo com problemas familiares tem mantido a campanha. Pautado na luta por justiça social, pela defesa da natureza e por um mundo mais fraterno e solidário. “Fé no que virá”.

Otávio Barbosa
O servidor público estadual OTÁVIO BARBOSA – com atuação na Companhia de Saneamento do Estado do Pará (COSANPA), sociólogo, sindicalista com atuação no Sindicato dos Urbanitários, ainda no PT foi candidato em 1996 obteve 215 votos, na de 2000 chegou a 252 sufrágios, ainda foi candidato a federal em 2010, e na última eleição para vereador teve 122 eleitores/as. Marabaense, conhecido como Tatá tem como principal base eleitoral a Marabá Pioneira onde tem feito a campanha com material gráfico, reuniões e criativa e ecológica bicicleta som e a Universidade Federal. “Sempre na luta!”.

O comerciante RAIMUNDO de Sousa Gonçalves – maranhense de Bacabal, com base eleitoral no bairro Liberdade, em 2012 obteve 53 sufrágios.


O PSOL AINDA TEM OS/AS CANDIDATOS/AS MARINHEIROS/AS DE PRIMEIRA VIAGEM NAS URNAS:

Elitis Suzana
A servidora pública municipal ELITIS SUZANA  - estudante do curso de matemática, moradora da Folha 11, no bairro Nova Marabá há 06 anos, recentemente comecou a trabalhar como tecnóloga em saúde pública, convocada no concurso público realizado pela Prefeitura de Marabá em 2010, após 05 anos de espera e uma mobilização que durou 08 meses para assegurar nossos direitos à nomeação. Sentiu na própria pele o quanto é danoso o desrespeito dos políticos com o povo. Aceitou ser candidata por acreditar em outra forma de fazer política, pois, as atuais práticas que vemos hoje nos jornais afastam o povo da política, deseduca as pessoas e fortalece a corrupção. É necessário adotarmos novas práticas e concepções que valorize a participação coletiva, que utilize o mandato de vereador a serviço da população e não como os atuais vereadores/as fazem, como se fosse um negócio particular. Nossa cidade se encontra em completo abandono por conta, justamente da omissão dos vereadores durante o governo desastroso da administração atual de Marabá. A partir da necessidade de mudar essa realidade é que apresento meu nome para vereadora para lutar por: Implementação de estratégias voltadas para mulheres; Lutar contra a criminalização dos Movimentos Sociais; Lutar pela mobilidade urbana, ampliando linhas de ônibus para todos os bairros de Marabá; Lutar por Saúde pública de qualidade; Educação pública de qualidade; Lutar pela qualificação e valorização dos servidores públicos; Pela realização de novos concursos públicos. “Pela qualidade do serviço público”.

A cozinheira ELIZANGELA de Souza Dias.

O vigilante HÉLIO SILVA. 

O servidor pública municipal LIMA SHOW – cujo nome civil é Elismar Lima Ribeiro. 

A professora do ensino fundamental NAIDE PACHECO - esposa do candidato a prefeito Rigler, tem atuação com movimento de mulheres e na Universidade Federal (UNIFESSPA).

O PROFESSOR RICARDO Fernandes Inácio - na juventude atuou nas lutas estudantis pela União dos Estudantes de Marabá (UNEMAR), motorista da UEPA e professor do ensino fundamental, formado em Letras pela UFPA – Campus Marabá, para deputado estadual em 2014 obteve 86 votos, atual presidente do PSOL. Suas principais bases eleitorais é Folha 29 onde reside e a Universidade Federal. 

A sindicalista PROF. JOYCE REBELO -com atuação no Sindicato dos/as Trabalhadores/as da Educação Pública do Estado Pará (SINTEPP), formada em Letras pela UFPA – Campus Marabá. Foi candidata a vice prefeita em 2008 junto com Manoel Rodrigues obteve 912 sufrágios. Como uma boa paraense sua música de campanha é uma brega bem animado. Propõe “uma Câmara de luta”.

O professor TIBIRICA – cujo nome oficial Felix Urano Gama de Souza, atua no Ensino Fundamental na área de Artes, combativo companheiro em várias trincheiras sobretudo no Sindicato dos/as Trabalhadores/as da Educação Pública do Estado Pará (SINTEPP) Sub Sede Marabá nos anos 80 e 90, foi candidato a prefeito em 2008, mas tivera problema com a prestação de contas e os dados não aparece no site do TSE. Defende “Nenhum direito a menos”.

O mototaxista XUXA MOTOTAXI – cujo nome civil é Sebastião dos Santos, mineiro de Novo Cruzeiro, atua no transporte alternativo de passageiro de onde origina seu apelido.

Pelo o histórico de votação do partido, só se ocorrer um milagre, a avaliação é que esta coligação não consegue atingir o coeficiente para ter direito a uma vaga na Câmara Municipal de Marabá

Nenhum comentário: