sexta-feira, 6 de maio de 2016

19 anos de privatização e crimes ambientais




Hoje fazem 19 anos da privatização da Vale do Rio Doce. A companhia foi privatizada durante o governo FHC, como parte do Plano Nacional de Desestatização, iniciado no governo Collor e responsável pela liquidação de uma parte do patrimônio nacional. Em 1997 a Vale valia cerca de R$ 92 bilhões e mesmo assim o seu controle acionário foi arrematado por apenas R$ 3,338 bilhões, sendo parte do dinheiro oriunda de empréstimos do BNDES. Bom lembrar que em 2007 houve um plebiscito popular sobre a reestatização da Vale, no qual 3 milhões de brasileiros participaram e 94,5% opinaram favoravelmente.

Ontem fizeram 6 meses da tragédia de Mariana, na qual morreram 19 pessoas, além da destruição de rios, entre os quais o Doce, que dá nome à empresa, e de nascentes. Ao fim, esse foi o legado da Vale a serviço dos interesses privados. Texto Roberto Robaima

Nenhum comentário: