quarta-feira, 2 de julho de 2014

Especial Copa do Mundo: Debatendo os Direitos Humanos

 
Copa do Mundo e os Direitos Humanos

leia no Contraponto & Reflexão

 
COLETIVA DE IMPRENSA PRESIDENTE DA FIFA
Presidente da Fifa, Joseph Blatter. Foto: Marcello Casal Jr./ABr


É Copa do Mundo, amigas e amigos! Mas nem por isso a gente aqui na Repórter Brasil parou de acompanhar ações importantes em curso em todo o Brasil. No destaque desta edição do boletim, chamamos a atenção para a tentativa em curso no Congresso Nacional de esvaziar a "lista suja" do trabalho escravo, o que representaria um grave retrocesso no combate à exploração de pessoas no país. Apresentamos a denúncia que a seleção Palestina preparou para apresentar no congresso da Fifa, e a carta enviada ao presidente da entidade, Joseph Blatter, pedindo que a organização e suas empresas parceiras tomem medidas para garantir Direitos Humanos durante os jogos. Uma reportagem especial detalha a crise pela qual passa a fiscalização do trabalho no Brasil, e um levantamento inédito indica de maneira detalhada onde aconteceram todos os resgates de escravos desde 1995, quando as operações de fiscalização começaram. O especial "Eles Mandam", mapeamento de redes de poder no país, foi atualizado e reunimos também artigos sobre diferentes questões no país, além de dicas de como configurar seu Facebook para não perder atualizações da Repórter Brasil. Boa leitura!

Copa do Mundo e Direitos Humanos
Durante a Copa, Congresso pode esvaziar ‘lista suja’ do trabalho escravo
Relatório de projeto que pretende regulamentar trabalho escravo quer proibir manutenção de cadastros que incluam nomes antes de condenação judicial
Carta a Blatter pede que Fifa garanta direitos humanos na Copa
Mensagem foi enviada em nome do Institute for Human Rights and Business, que acaba de lançar, com apoio da Repórter Brasil, a plataforma megasportingevents.org
No Brasil, palestinos pedirão suspensão de Israel da Fifa
Delegação palestina fará a solicitação durante o congresso da entidade que começa nesta terça-feira em SP. Eles acusam os israelenses de abusos contra os jogadores de futebol
 
Fonte: repórter Brasil

Nenhum comentário: