quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Serra Pelada, o filme versus a história? (3)



Com o desenrolar da película comecei a questionar se aqueles que o assistiam e protagonizaram esse momento da história do Brasil, realmente poderiam se sentir partícipes daquela narrativa. Entretanto, durante a exibição um fato era inquestionável: todos estavam atentos ao clima tenso, à fotografia impecável, à contagiante trilha sonora, ao formato hollywoodiano (em tempo, personagens, roteiro...) apresentado. Realmente é de perder o fôlego, um excelente entretenimento.


Mas aqui não quero me restringir ao filme em si, pois não sou crítico de cinema. Embora tente tatear em alguns assuntos cinematográficos e faça do filme o meu pretexto, aquilo que desejo fazer com este texto é uma análise de um sobrevivente destas bandas do Brasil que assistiu a um filme que trata de sua realidade próxima.

Nenhum comentário: