quarta-feira, 25 de setembro de 2013

Salame continua!

Juiz da 23a. Zona Eleitoral de Marabá, César Lins, determinou o arquivamento, nesta quarta-feira, 25, da  ação de investigação judicial , ajuizado pelo Ministério Público, para apurar  suposto crime eleitoral praticados pelos candidatos aos cargos de prefeito e vice prefeito, de Marabá, João salame Neto e Luis Carlos Pies, bem como dos candidatos a vereadores Leodato da Conceição Marques, Irismar Nascimento Araújo Melo, Geraldo Lázaro de Aparecido Junior e Priscila Duarte Veloso, na eleição de 2012.
Salame e demais acusados, teriam, durante a campanha eleitoral, custeado a produção de informativos distribuídos em igrejas evangélicas da cidade.
Em seu despacho, Lins  disserta que a alegação  do MP sobre a doação de recursos oriundos de fontes vedadas e não declaradas pelos representados ( no caso, os acusados) ” encontra-se superada, uma vez que já houve a aprovação das prestações de contas dos representados pelo Juízo da 23ª zona, possuindo, inclusive manifestação favorável do parquet” (MP).

Fonte: Blog do Hirosh

Nenhum comentário: