segunda-feira, 9 de setembro de 2013

EM NOTA SINTEPP INFORMA QUE VAI DENUNCIAR JOÃO SALAME NA OIT


O SINDICATO DOS TRABALHADORES EM EDUCAÇÃO PÚBLICA DO PARÁ - SUBSEDE DE MARABÁ, diante da atual posição que vem sendo tomada pelo prefeito de Marabá - Sr. João Salame Neto (PPS) -  em dificultar a organização dos trabalhadores (as) em educação do município, bem como de perseguir lideranças sindicais, com a suposta ameaça, em nota oficial, de suspensão de liberações sindicais,  decidiu denunciar o prefeito na ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO (OIT) por práticas anti-sindicais.  A referida denúncia se apoiará em convenções de organizações internacionais do qual o Brasil é signatário e tem a obrigação de cumprí-las. Nosso coordenador geral afirmou que esta é uma saída importante contra tal atitude. (Wendel tomou conhecimento da nota por telefone, já que teve que viajar na noite do último domingo para Belém, onde reuniu com lideranças da Unidos Pra Lutar) "Lamento muito que esta tenha sido a posição oficial do Prefeito João Salame. Não aceitaremos que o prefeito de Marabá ataque uma das maiores conquistas dos trabalhadores, pós ditadura militar, que é a LIVRE ORGANIZAÇÃO SINDICAL, independente do governo e do estado." “Ainda esta semana estaremos procurando a SOCIEDADE PARAENSE EM DEFESA DOS DIREITOS HUMANOS (SDDH) para que nos auxilie na denuncia". Concluiu nosso coordenador geral Wendel Bezerra.

Nenhum comentário: