terça-feira, 25 de dezembro de 2012

Militante assassinado: 2013 será ano de luta??

NOTA DE FALECIMENTO
É com muito pesar que o MST-Pará, comunica aos companheiros, companheiras, amigos e amigas o assassinato do militante dessa organização MAMEDE GOMES DE OLIVEIRA, 58 anos, assentado no Assentamento Mártires de Abril, Mosqueiro- Município de Belém Pará. O fato aconteceu no dia 24 de dezembro de 2012 no período da tarde, por volta das 16 horas, no seu lote, momento em que estava trabalhando foi atingido por dois tiros calibre 38. No momento dois suspeitos encontram-se presos e estão sob investigação da polícia.
Mamede, foi coordenador estadual do MST, atuou no Setor de Produção e nos últimos anos vinha dedicando-se à prática agroecológica em seu lote, conhecido como LAPO- Lote Agroecológico de Produção Orgânica, com a implantação de diversas experiências, além de compor um Grupo de Produção Agroecológica-GPA juntamente com outras famílias assentadas.
O corpo está sendo velado no LAPO e o enterro acontecerá amanhã às 9 horas no Cemitério do Carananduba.
O Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra do Estado do Pará solidariza-se com Dona Teófila da Silva Nunes e familiares.
“A morte não é verdade quando se cumpre bem o papel da vida”
(José Martí)

Nenhum comentário: