quarta-feira, 31 de outubro de 2012

CRIADA A UNIFESSPA

Nesta quarta-feira (31), foi aprovado, na Comissão de Finanças e Tributação, o projeto de iniciativa do Executivo que cria a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará - UNIFESSPA.
O relator da proposição, deputado federal Cláudio Puty (PT-PA) comemorou a votação: “A UNIFESSPA será criada por meio de um desmembramento da Universidade Federal do Pará, onde sou professor. Esta nova instituição de ensino ficará na região de Carajás, em um local muito importante para o estado, pois cresce muito e precisa desenvolvimento em pesquisa e extensão para poder acompanhar a dinâmica econômica que não espera”.
No relatório de Puty foi acrescentado o núcleo de Parauapebas, além do campus de Marabá que constava no projeto original, para integrar a nova universidade. Foram criados, ainda, os campi de Rondon do Pará, Santana do Araguaia, São Félix do Xingu e Xinguara.
Para compor o quadro de pessoal da nova Universidade, propõe-se redistribuir cargos vagos e ocupados do quadro de pessoal da UFPA, além da criação de 1.101 cargos, sendo: 506 cargos de Professor do Magistério Superior, 238 cargos Técnico-administrativos em Educação, de nível superior e 357 de nível intermediário.
A UNIFESSPA faz parte do ciclo de expansão do ensino superior proposto pelo governo federal.
 bLOG DO pUTY
=========================
 
Um sonho de todos nós agora realizado!

=========================

O leitor Marcos postou  mensagem  sobre sensacionalismo do poster ao anunciar a criação da Unifesspa.
Todos sabem que a criação da Unifesspa passa por várias etapas. Inclusive na  matéria do site do campus de Marabá em 17 de agosto de 2011, já informava sobre o fato.

Governo federal anuncia a criação da UNIFESSPA

O governo federal anunciou ontem, 16 de agosto, a criação de quatro novas universidades federais e de 47 campi universitários em todo o país. Entre as Universidades criadas, está a UNIFESSPA (Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará), cujo projeto foi entregue ao então presidente Lula em início de 2010. Essa iniciativa fortalece o ensino superior no interior da Amazônia e reforça as expectativas de ampliar a produção de conhecimento acerca da realidade regional e promover ações visando a superação de problemas específicos desta região. O projeto agora deve ser enviado para o Congresso Nacional, onde será submetido a apreciação. A expectativa é de que a UNIFESSPA entre em funcionamento no prazo máximo de três anos. Maiores informações em http://www.portal.ufpa.br/imprensa/noticia.php?cod=4879

 No entanto, o tal Marcos insiste em tenar desvirtuar a informação acima sobre a aprovação do PROJETO QUE CRIA A UNIFESSPA, pela Comissão fionaças e Tributação da Câmara dos Deputados.

ô marquito!!! ô marquito!!!

 

3 comentários:

ze Du disse...

Via twitter, o deputado federal Claudio Puty, presidente da Comissão de Finanças e Tributação da Câmara Federal anunciou que a criação da Unifesspa – Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará –, com inclusão do Campus de Parauapebas, Rondon do Pará, Santana do Araguaia e Xinguara, foi aprovada hoje na CFT.

Em contato com o Blogger, Puty disse que os próximos passos para que a Unifesspa vire realidade será a aprovação pela CCJ da Câmara. Logo após o projeto segue para o Senado, e, se aprovado, irá para sanção presidencial.

Ainda segundo o deputado, existe no orçamento a indicação de receita para a “ampliação do ensino superior no Pará” e que este deverá ser trabalhado para que parte dele seja destinado à Unifesspa assim que ela se tornar uma unidade orçamentária.

Puty confidenciou ao Blogger estar confiante que a Unifesspa comece a operar já em 2013. Vamos torcer para que isso se torne realidade.

Val disse...

Projeto de Lei Nº 2.206/2011, do Executivo, que cria a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (UNIFESSPA), por desmembramento da Universidade Federal do Pará, os deputados federal Giovanni Queiroz (PDT-PA) e Claudio Puty (PT-PA) selaram uma parceria que, de imediato garanta a criação de mais três Campi (Parauapebas, Tucuruí e Redenção) além dos previstos no projeto original.

Relator da matéria na Comissão de Finanças e Tributação, o deputado Claudio Puty prontificou-se em acolher as emendas do deputado Giovanni Queiroz acrescentando os novos Campi. “Contatei o reitor da UFPA, Claudio Maneschy que disse ser possível a criação dos Campi de imediato através de um ato da reitoria”. Independente disso o deputado Giovanni Queiroz quer essa garantia no texto do projeto.

O PL que cria a UNIFESSPA é de natureza jurídica autárquica, vinculada ao Ministério da Educação, conforme previsto na Constituição, portanto, não sendo possível ser apresentado por um deputado federal ou senador da República.

O projeto já foi aprovado na: Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público ( CTASP ), Comissão de Educação e Cultura ( CEC ) e aguarda votação do relatório na Comissão de Finanças e Tributação ( CFT ). O parecer do relator, Dep. Cláudio Puty é pela compatibilidade e adequação financeira e orçamentária do Projeto, com emendas, e pela incompatibilidade e inadequação financeira e orçamentária das Emendas nºs 01/11, 02/11 e 03/11 da Comissão de Trabalho, de Administração e Serviço Público.

Caso aprovado na CFT, o projeto segue para análise na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC), última comissão que o analisará. A matéria se aprovada tem caráter terminativo, não sendo necessário ir à Plenário para votação. Também se aprovado, da CCJC segue para análise no Senado Federal onde a tramitação de matérias dessa natureza tramita com muito mais rapidez.

www.ribamarribeirojunior.blogspot.com disse...

Há coisas que, são tão estúpidas, que não deveriam merecer qualquer referência, sob pena de perda de tempo. Ora, o meu blogue não é um espaço para vender informação, muito menos ganho com isso. Bem que o tal Marcos poderia aprofundar o debate em rorno da nova instituição. Mas não faz porque não consegue ler o texto que divulga informação verdadeira. Entenda do seu jeito!