sábado, 26 de fevereiro de 2011

Às aguas aceleram!


Todo ano a mesma coisa, mas os que já aguardam sabem que não vai fazer muita diferênça, até por que enchente também é cultura. Uns se atrepam, outros se acomodam da forma como podem. A indústria das cheias fazem suas vitimas e deformam as caracteríticas que se construiram ao longo dos anos.

As enchentes em Marabá tem um diferencial, as pessoas esperam a cada centímetro de água e acompanham atentamente o nível e desnível do rio. Para uns é diversão, mas para a grande maioria que ainda não sabem pra onde será o destino dos dias de alagamento, apenas o sofrimento atenuado com os parcos do assistencialismo da municipalidade.

Ano que vem tem mais!!!!

Nenhum comentário: