sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

FELIZ 2011 com Fé no que Virá!!


Em 2011 o Contraponto continuará com você!
Fechamos 2010 com 1583 postagens e com mais de 60 mil acessos considerando que o nosso contador só foi instalado em Junho.

Poster

Sem vagas!

Escolas públicas avisam: Não há vagas!!!

E o bicho vai pegar............

Valeu!!

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva decidiu hoje pela manhã, depois de se reunir com o advogado-Geral da União, Luis Inácio Adams, que o do ex-ativista Cesare Battisti, condenado à prisão perpétua por quatro assassinatos na década de 70, vai continuar no País, não sendo, portanto, extraditado para a Itália.

O presidente acatou o argumento da AGU, que, usando um artigo do Tratado de Extradição entre Brasil e Itália, avaliou que a extradição de Battisti colocava a vida do ex-ativista em risco de perseguição e até de morte.

Battisti foi condenado a prisão perpétua na Itália em 1987 por quatro assassinatos promovidos pela organização Proletários Armados pelo Comunismo (PAC). Preso na Penitenciária da Papuda desde março de 2007, aguardava uma decisão do presidente sobre sua extradição. Lula não queria deixar o caso para ser resolvido pela futura presidente Dilma Rousseff. (Agência Estado)

-------------------------------

Nenhum dos assassinatos comprovados!

A defesa de Battisti alega isua nocência e afirma que o italiano seria vítima de uma "perseguição política" por parte do governo italiano.

Desafios para 2011


Marabá passa por um novo momento da sua história, os mais animados enaltecem um crescimento vertiginoso para o próximo período. São os grandes empreendiementos que estão sendo instalados nos quatro cantos da cidade. No ramo imobiliário a cidade ver o cercamento pelos grandes loteamentos e condomínios. Porém, sem nenhuma politica eficaz de moradia, são mais de 20 áreas de ocupações urbanas que carecem de regularização e politicas públicas, todas com a população abandonada.

Nas páginas dos jornais a informação de geração d eemprego na construção civil e na indústria, o aumento de novas levas de migrantes. O governo e as empresas não tem apresentado um plano de qualificação profissional permanente. E a juventude tem tomado cada vez mais espaço nas págians policiais, são assassinatos e envolvimento com drogas que aumento consideravelmente nos últimos três anos. Novamente nenhuma medida eficaz de combate ao tráfico, a violência desenfreada e uma seriedade nas investigaçoes com prisão e condenação dos assassinos que estão impunes.

Marabá - precisa urgente de debater questões que são essencias para o seu futuro, de uma agenda de atividades com ações do poder público para se fazer presente na vida dos cidadãos.

É o desafio!!

Dois pesos e uma medida!




Vic?

Alguém viu o Vic por aí?
-Nãooooooooo!!!
E a Valéria?
-Nãooooo!

Escafedeu-se!!!!

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Poluição Visual: Em 2010 este blog denunciou!



Nova presidente da FUNTELPA é de Marabá!!!

A suplente de senadora Bia Cardoso (PPS) comandará a FUNTELPA ( Fundação de Telecomunicações do Pará), a estatal da comunicação do Estado. Sob seu comando estará a TV  e Radio Cultura.

O anúncio foi feito agora a pouco leia no link abaixo.
Aqui


-----------------------------
O que é a Funtelpa?

A Fundação Paraense de Radiodifusão (Funtelpa) nasce em 1977, criada pelo governador Aluísio Chaves, através do decreto n. 10.113, de 29 de junho do mesmo ano, com o intuito de cuidar dos serviços de radiodifusão do Estado. Desde então, a Funtelpa produz conteúdos midiáticos de alta relevância geopolítica e cultural, em uma programação de qualidade, com caráter educativo, que retrata a tradição local, procurando atender a diversificados segmentos da sociedade, preservando a identidade cultural do Estado.


Atualmente, a Fundação é um organismo público de direito privado, que tem como provedor de recursos diretos o Governo do Estado do Pará, facultando-se o ingresso de outros recursos, sob o amparo da lei específica reguladora do caráter das Fundações. Situada à Avenida Almirante Barroso, n. 735, a Funtelpa conta com a emissora de televisão TV Cultura do Pará (em Belém, Canal 2), a Rádio Cultura FM (93,7 MHz), a Rádio Cultura Ondas Tropicais (5045 KHz) e o website Portal Cultura (www.portalcultura.com.br).


Desafios na Funtelpa!

Um dos maiores desafios é manter a nulidade do contrato com a TV Liberal, que foi criado nos governos de Almir e Jatene, e suspenso pelo atual governo.

Uma comissão administrativa criada pela Funtelpa no inicio de  2007, chegou a seguinte conclusão: No entendimento dos membros da comissão que apurou irregularidades no convênio, a TV Liberal também deve responder a processo administrativo e a Funtelpa tem de passar a ser autora da Ação Popular que tramita na 21ª Vara Cível da capital, “como forma de ressarcir o Estado dos atos lesivos praticados'.

Pelo acordo, a TV Liberal poderia utilizar 78 canais da Funtelpa para retransmitir a programação da Rede Globo em cidades do Pará. A emissora estatal ainda tinha de pagar, mensalmente, a manutenção de serviços para a TV Liberal. O valor da última fatura - de janeiro deste ano -, corrigido pelo IGP, era de pouco mais de R$ 461 mil.Por recomendação da Procuradoria Geral do Estado, o pagamento foi suspenso no começo do ano. A diretoria financeira da Funtelpa informou que o valor pago à TV Liberal, durante a vigência do convênio, foi de pouco mais de R$ 35 milhões, sem correção monetária. Informa ainda a assessoria do governo que outra medida que deve ser tomada é a assinatura, entre a Anatel e a TV Liberal, de um Termo de Devolução das retransmissoras da Funtelpa.
--------------------------------
E agora Bia?

-------------------------------

Outra demanda será a implantação da Tv Cultura em Marabá, de preferência em um dos canais públicos, no caso o 13 ( que é da prefeitura)!

O Estado é laico, e não deve dar preferência a apenas uma religião.

Quase completo o time!

Em mais uma rodada de anúncios, o pescador-mor jogou o anzol sem isca e apresentou mais nomes para sua equipe.

Tião Miranda - Seop (Secretaria de Estado de Obras Públicas); Sérgio Leão - Segov (Secretaria de Governo);  Alice Viana - Sead (Secretaria de Administração; Ney Messias - Secom (Secretaria de Comunicação) e José Acreano Brasil (SEJUDH).

Segundo Escalão:  - Adelina Braglia; Banpará Idesp- Augusto Costa; Imprensa Oficial - Cláudio Rocha; Auditoria do Estado - Roberto Amoras Fapespa - Mário Ribeiro; Iterpa - Carlos Lamarão

------------------------------------

Vale lembrar!

Que a nova titular do IDESP, Adelina Braglia foi vice prefeita de Marabá (1986-1989), na gestão do então prefeito Hamilton Bezerra.

PSB com Jatene!

Se o PT teve Almir Gabriel no segundo turno, o PSB agora é jatene no terceiro turno.

Confirmado!

PSB continua com a SEJUDH - Secretaria Estadual de Justiça e Direitos Humanos, apenas o titular será trocado, mas o grupo do vereador Ademir Andrade continuará no comando.

------------------------------

Feliz 2011

Adélia Prado diz “Tudo que a memória amou ficou eterno”.

Desejo que em 2010 nossas memórias tenham eternizado muitas experiências... desejo também FELIZ 2011, FELIZ DÉCADA NOVA, que possamos amar e eternizar experiências pessoais e coletivas que virão.

Contraponto & Reflexão

Imagens do Ano (i)


Vereador Nagib Mutran (PMDB) aponta dedo para cidadão que foi a câmara reivindicar direitos!

Imagens do Ano (iii)



Em alusão aos 30 anos da Enchente de 80!

Imagens do Ano (iv)

Imagens do Ano (v)

Quase pronto!


Quase tudo pronto para iniciar a pescaria!

O pescador-mor já anunciou os principais nomes que irão compor a sua equipe, alguns já haviam compartilhado do seu primeiro mandato e agora deverão ajudá-lo nessa nova fisgada.

Por outro lado, Donana diz que entrega o barco completamente organizado!

É hoje!!!!

O presidente Lula deve anunciar a divulgação da decisão sobre o caso Battisti. Vamos aguardar!!!

-----------------------------


quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Pra não ver navio!

A próxima leva de nomes a serem anunciados como secretários do futuro governo da pescaria: Tião Miranda (PTB) aparecerá como titular da SEOP. E, haja obá!!!!!!

Mais confirmações!

O governo da pescaria  confirmou hoje (29): Paulo Chaves, secretário de Cultura; Adenauer Góes na Paratur, Paulo José Campos de Melo, presidente da Fundação Carlos Gomes, Sérgio Bacury na Secretaria de Planejamento e Finanças (Sepof), Alex Fiúza de Melo na Secretaria de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia (Sedect), Francisco de Chagas Melo na Secretaria de Transportes (Setran), Sahid Xerfan na Secretaria de Esportes e Lazer, Mário Moreira na Agência de Defesa Agropecuária do Pará(Adepará), Nilson Chaves na Fundação Cultural Tancredo Neves (Centur), Luiziel Guedes no Instituto de Metrologia do Pará (Imep), Graça Jacob no Hospital Ofir Loyola, Sebastião Lira dos Santos no Laboratório Central da Sespa, Ana Célia de Oliveira na Fundação da Criança e do Adolescente do Pará (Funcap).---------------

----------------------

DESENVOLVIMENTO & TECNOLOGIA

Saí Maurílio Monteiro ( UFPA) e entra Alex Fiuza de Melo (UFPA), com isso caracteriza a Sedect, como uma secretaria ufpa-niana.

Claro!! A escolha do ex-reitor não foi atoa! Foi exatamente estratégica.

O Simão quer manter uma boa relação com a academia, e o ex-reitor sempre fez parte do grupo de Nilson Pinto (PSDB), portanto, terá uma boa relação com o grupo que dirige a UFPA.

É bom lembrar que o atual reitor é do PPS, que é um dos principais partidos que é alinhado ao governo tucano.

Ainda falta!

Com a indefinição dos titualres da Secretaria de Comunicação, Funtelpa, Sead, Sedes, Sedurb, Sejudh, Seop, Seter, Comando Geral do Corpo de Bombeiros, Asipag, Auditoria Geral, Consultoria Geral e Defensoria Pública , o governo da pescaria ainda costura nomes.

Quem és tú?

Aliás essa é a pergunta mais frequente em XInguara.

Todos querem saber quem é o Henrique da Mateira?

O Blog do Edmar conta detalhes deste futuro pré-candidato....

Anciosidade!

Servidores Públicos Municipais estão todos anciosos para ver o abono de R$ 1.700,00 entrar na conta nesta quinta feira (30)

Vammos aguardar!!!

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Um 2011 sem trabalho escravo!

Trabalhador marcado a ferro por Gilberto Andrade, fazenda Bonsucesso, em Paragominas – fiscalização 12/02/08 encontrou 35 trabalhadores. Este fazendeiro já havia sido flagrado com 18 trabalhadores em Centro Novo do Maranhão (MA



O número de trabalhadores escravizados no Brasil varia de 25 mil, segundo cálculo da Comissão Pastoral da Terra (CPT) a 40 mil, pela estimativa da Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura (Contag). Pecuária e desmatamento respondem por três quartos da incidência de trabalho escravo. Atividades agrícolas, de extração de madeira e produção de carvão também registram muitos casos. Só a partir de 1993 o problema entrou de fato na agenda nacional.

As estatísticas da Secretaria de Inspeção do Trabalho dão dimensão dos bons resultados obtidos. Entre 1995 e 2003 foram fiscalizadas 1.011 fazendas e libertados 10.726  trabalhadores. Se incluído o primeiro semestre de 2004, o número de trabalhadores libertados é de cerca de 16 mil.
-----------------------------------Dados do Repórter Brasil---------------

Novo round!


A disputa pela mesa diretora da ALEPA será o próximo round dos dois partidos que estão no governo.

De um lado: Marinho Carmona (PMDB) apoiado pelo PT, do outro Manoel Pioneiro (PSDB), o preferido de Simão!

A ver navio!


Sem a SETRAN, o deputado eleito Tião Miranda (PTB) ficou a ver navio!!!

FNO financiará shopping!

O Banco da Amazônia, via FNO, vai bancar 70% do shopping Unique Marabá, com investimento total de 160 milhões de reais.
--------------------------------
FNO ?

Os Fundos Constitucionais foram criados pela Constituição Federal de 1988, que estabeleceu em seu artigo 159, inciso I, alínea “c”, a obrigação de a União destinar 3% da arrecadação do IR (Imposto sobre a Renda) e IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para serem aplicados em programas de financiamento aos setores produtivos das Regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, através de suas instituições financeiras de caráter regional, no caso da amazônia, o Banco da Amazônia.

Foi criado o Fundo Constitucional de Financiamento do Norte - FNO, tendo como objetivo contribuir para a promoção do desenvolvimento econômico e social da Região, através de programas de financiamento aos setores produtivos privados.

Os recursos do FNO, provenientes de 0,6% da arrecadação do IR e IPI, são administrados pelo Banco da Amazônia, Instituição Financeira Pública Federal, vinculada ao Ministério da Fazenda, que os aplica através de programas elaborados, anualmente, de acordo com a realidade ambiental, social e econômica da Região, em parceria com os representantes das instituições públicas e dos diversos segmentos da sociedade.

Fonte:
IBGE - Censo populacional/1997, Anuário Estatístico do Brasil/1996
------------------------------------

Dinheiro público para os empreendedores têm!!!

Mais uma potoca!!

Até minha eleição, todos os prefeitos eram filhos de Marabá,
de famílias tradicionais. Essa situação só mudou quando eu descobri
que os emigrantes eram a maior parte dos eleitores.
Aí virei a mesa.
(Maurino Magalhões,
capixaba, prefeito de Marabá. Em entrevista ao Valor Economico)Valor Econômico. Abr. 2010, Estados –

BICALHO, José Antonio. Expansão atrai nova leva de migrantes.
Pará, p.75.

-----------------------------------------

Esqueceu de dizer que o Dr. Veloso, Hamilton Bezerra, e tantos outros também não eram filhos de Marabá
 

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Governador diplomado anuncia mais nomes!

O governador diplomado Simão Robson Jatene (PSDB) anunciou agora a tarde novos nomes que vão compor seu secretariado e cargos no segundo escalão.

A ex-secretária da Fazenda em seu primeiro governo (2003-2006), Tereza Cativo foi indicada para a SEMA, enquanto o deputado federal Asdrubal Bentes (PMDB) foi confirmado na  Secretaria de Estado da Pesca.
Também foram indicados Sergio Duboc para a direção-geral do Detran; Ana Lídia Cabeça, para o Hospital das clínicas; Maria do carmo Lobato, para a Fundacao Santa Casa; José Alberto Colares, para o Ideflor;e Theo Pires, para a Prodepa.

--------------------------------------

Os afilhados politicos do deputado em Marabá já sonham em desbancar o atual coordenador regional da secretaria de pesca, o cientista político Silvio Silva. Nos bastidores também já há um interesse pela coordenação do Ideflor, aqui comandado pelo também Cientista Político Fernandes Batista.

-------------------------------------

E assim inicia o governo da pescaria......

Não esqueça!


Uma amiga pediu pra divulgar!

2011: Um novo mundo é possível!

"Há riqueza bastante no mundo para as necessidades do homem, mas não para a sua ambição." (Mahatma Gandhi)

Contrastes da habitação em Marabá 1

Àrea de expansão urbana da cidade no detalhe em azul (Jardim Cidade)

Hoje em Marabá, segundo dados da SEPLAN – Secretaria Municipal de Planejamento - existem 22 ocupações urbanas dentre áreas públicas e particulares. Cerca de 22 mil famílias vivem nestes assentamentos em condições  precárias.

Essas demandas foram apresentadas para o governo federal através do Ministério das Cidades e governo do estado ( Sedurb e Cohab) e Prefeitura de Marabá.

De todas essas áreas em litigio, apenas três ( Fl 25, Jardim Bela Vista e  São Miguel da Conquista) o governo municipal manifestou o interesse em regularizar. Uma delas ( São Miguel da Conquista) a Justiça local deu um prazo de um ano para que o executivo cumpra a promessa. Já que foi feita durante o processo eleitoral e com sérios riscos de mais uma manipulação.

---------------------

Outra ação que envereda para uma politica municipal de habitação, foi a criação do Fundo de Habitação de Interesse Social com seu respectivo conselho. Porém, um diagnóstico sobre habitação de interesse social foi iniciado, não sabemos por que carga d'água, o tal do bendito não foi apresentado a sociedade civil organizada.

---------------------------------

Contrastes da habitação em Marabá 2





"Construir moradias é produzir cidades. É essencial discutir os impactos dos empreendimentos imobiliários nas condições de vida, na instituição ou destituição de direitos sociais, no ordenamento territorial e no funcionamento das cidades."

A grave crise habitacional de nossas cidades tem como principal causa o bloqueio imposto ao acesso à terra urbanizada para a população de baixa renda.

O direito à cidade é negado a uma grande parcela da população, que está condenada a ocupar as "sobras" da cidade, os espaços precários e insalubres localizados nas beiras dos rios ou nas encostas dos morros. O modelo de desenvolvimento urbano que estrutura nossas cidades expulsa a população de baixa renda das áreas mais centrais, em direção à periferia, onde a terra é mais barata exatamente porque não reúne os requisitos mínimos para assegurar uma vida digna.

No caso de Marabá, mas complicado será, tendo em vista que grande parte das terras ao redor já foram adquiridas pelos empreendedores dos loteamentos.

Mas, o direito à moradia pressupõe o acesso aos bens e serviços proporcionados pela cidade, a possibilidade de morar em área urbanizada, dotada de infra-estrutura, bem localizada, com acesso aos serviços de saúde, educação, aos bens culturais e às oportunidades de trabalho. Em resumo, o direito à moradia digna é indissociável do direito à cidade, e não pode, portanto, ser reduzido à habitação, entendida como quatro paredes e um teto.

Raquel Rolnik e Kazuo Nakano - "As armadilhas do pacote habitacional" - Le Monde Diplomatique Brasil, março 2009

Contrastes da habitação em Marabá!



PSB no governo!

O Governador eleito Simão Jatene quer maioria na ALEPA, e puxou para sua base o PSB de Ademir e Cassio Anadrade. Agora os "socialistas" aguardam para ver o cargo e nome no Listão de Jatene.
Aqui

PMDB no governo!

O PMDB do Pará continuará no governo do estado!

Pelo menos cinco secretarias já estão garantidas, trata-se da SAGRI (Hildegardo Nunes), SEDURB (Luiziel Guedes), SETRAN (Chicão, de novo!, aliás era de Obras...mas a mesma coisa), SEPESq (Asdrubal Bentes) e SEIR ( o velho escudeiro do Barbalho, José Antonio ). Ainda ganhou a ADEPARÁ (Bel Mesquita).

Já a ALEPA ganha o suplente filho do atual presidente, Ozório Juvenil (PMDB) e o Câmara recebe o ex-senador Luiz Otávio (PMDB).

É o xadrez do Barbalho montado!

Mosaico Carajás!


As unidades de conservação de Carajás, composta pelas Àreas de Proteção Ambiental do Igaraé do Gelado (APA do Gelado); Floresta Nacional de Carajás (FLONA Carajás); Floresta Nacional do Itacaíunas (Flona Itacaíunas); Floresta Nacional do Tapirapé-Aquiri; Reserva Biológica do Tapirapé (Rebio-Tapirapé) e Reserva Indigena Xicrin do Cateté. Criadas a partir de 1989, como forma de conslolida as áreas de entorno do Projeto Grande Carajás (Extração mineral), hoje conta com uma equipe do ICMBio ( Instituto Chico Mendes de Biodiversidade), que faz licenciamento, fiscalização, Pesquisa-científica, prevenção e combate a incêndios, monitoramento e apoio a educação ambiental. Claro!! Não deixa der mais um intrumento a serviço da Vale!!

Edvaldo Santos na blogosfera!


O vereador Edvaldo Santos (PPS) acaba de entrar para blogosfera: De mãos dada com o povo, é o seu blog de informação sobre sua atuação como parlamentar em Marabá.

----------------------------

Rede!


Rede.
Rede para pescar
rede para dormir
rede para balançar
rede para estudar
rede para viajar
rede para descançar
rede para tranportar
rede para conectar
rede para jogar
rede de energia
rede de distribuição
rede de conhecimento
rede social
rede tecnológica
ou simplismente, REDE.
vamos entra nessa  rede?

(Berto)

--------------------------------------
Enviado por E-mail

domingo, 26 de dezembro de 2010

Novo governo!


Parte integrante do novo governo doe estado (imagem acima), anunciado nos útimos dias, têm um perfil misturado: técnico e politico, essa dose de mistura conforme afima o próprio pescador é uma forma de mudar a cara do governo. Mesmo que algumas dessa figuras sejam tarimbadas, elas tem um perfil mais técnico do que político, acredita?

-------------------------------------

Vamos aguardar para os primeiros meses de pescaria!

sábado, 25 de dezembro de 2010

Ele não sabia de nada?

Depois de oito anos........

Ainda sobre a Mineração na região!

Fonte: FIEPA/PDF

Nessa semana o Blog apresentou dados de um estudo da UFPA, agora para complementar estamos apresentando dados sobre áreas em estudo para implantação de projetos minerários.

Separar pra que?

Uma unidade da federação forte!!

--------------

Vamos ao debate!

Escravas do Sexo!

Há bastante tempo tenho percebido essa prática, mas nunca tinha visto uma operação ou qualquer denúncia com relação a essa forma de escravidão.

Acessando o Repórter Brasil, acabo de tomar ciência de que uma operação libertou mulheres vitimas de dividas da exploração sexual.


Libertações em boate: exploração sexual, dívidas e escravidão

Jovens recebiam "salário" em fichas que eram trocadas por produtos superfaturados na venda do próprio estabelecimento, em Várzea Grande (MT). Endividadas, vítimas só conseguiam sair do local mediante pagamento

Por Bárbara Vidal

Mulheres sexualmente exploradas e impedidas de sair de uma boate - a não ser mediante pagamento - foram libertadas em Várzea Grande (MT), município vizinho à capital Cuiabá (MT). Além das 20 jovens do sexo feminino, quatro homens também foram encontrados em situação degradante e submetidos a jornadas exaustivas, itens que caracterizam o trabalho análogo à escravidão (segundo o art. 149 do Código Penal).

Mantidas em alojamentos precários e superlotados no interior da casa noturna Star Night, as mulheres eram obrigadas a ficar praicamente 24h à disposição dos donos do estabelecimento, situado na região do "Zero Km", a pouco mais de um quilômetro do centro de Várzea Grande (MT) e a cerca de um quilômetro do Aeroporto Internacional Marechal Rondon.

Sem direito ao descanso semanal remunerado garantido por lei, elas não folgavam nem aos domingos e feriados. Algumas chegaram a assinar um contrato que vedava a própria saída do local de trabalho caso não houvesse a quitação de pagamentos combinados. Segundo Valdiney Arruda, que comanda a Superintendência Regional do Trabalho e Emprego do Mato Grosso (SRTE/MT) e acompanhou a ação, as mulheres "viviam em regime total de subordinação [frente aos empregadores]". "Além da exploração sexual, elas ainda eram obrigadas a fazer shows de strip tease como cumprimento da jornada de trabalho", complementa o superintendente.
Continue Aqui

Impactos da Mineração!

Justiça nos Trilhos preparou uma ampla matéria sobre o processo de duplicação da Ferrovia Carajás.

Leia Aqui

Mais impactos e prejuízos para a população.

Feliz todos os dias para todos!!!


Contraponto & Reflexão

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

Prata da casa!

Em defesa dos profissionais locais, foi o discurso feito ontem (23), pela vereadora  Vanda Américo (PV) durante a inauguração do novo prédio do poder legislativo. Ela enalteceu os feitos dos engenheiros e arquitetos da obra.

Fez dura critica aos empreendedores que preferem trazer mão de obra especializada de outras regiões.

E isso vem acontecendo principalmente com os grandes empreendiemtnos que estão sendo erguidos na cidade, só para se ter uma idéia, a maioria absoluta dos projetos de  loteamentos são realizaodos por arquitetos de fora do estado.

Muitas vezes o tal arquiteto nem conhece a cidade, e muito menos o local do empreendimento.

Não!!

O nome do novo prédio da Câmara deve ser mantido, pelo menos é o que defende o homenageado. O vereador licenciado Miguel Gomes Filho discursou, discursou defendendo a manutenção da sua homenagem.

Alvo do Ministério Público que já solicitou a mesa diretora que "mude" o nome do prédio, a nova sede da  câmara que inaugurou ontem (23), tem como nome: Palácio Miguel Gomes Filho.

--------------------------------------

Só mesmo em Marabá!!!!

ANPUR informa

Com grande satisfação, comunicamos que o Edital dos prêmios VII Prêmio Brasileiro “Política e Planejamento Urbano e Regional” e V Prêmio “Milton Santos” foi publicado no Diário Oficial da União no dia 15 de dezembro de 2010. As inscrições estão abertas até 11 de fevereiro de 2011. AQUI

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Inaugurada nova sede do Poder legislativo!



No valor total de mais de 5 milhões de reais foi entregue hoje (23) a nova sede do Poder Legislativo de Marabá.

A nova Câmara está adaptada para receber em 2013 as novas vagas de vereador, somando com os atuais serão 21 representantes do "povo".

O cercado ao redor do prédio não impedirá futuras manifestações, pelo menos é o que analisa um dos sindicalistas da cidade.

O novo presidente que tomará posse par ao próximo biênio (2011-2012) se livrará do trauma. È que o antigo plenário foi palco da sua cassação em novembro de 1992, quando era prefeito.

Em termo de comodidade o novo plenário acomodará mais de 350 pessoas para assistir a falação, e outras coisas.....

Mais em 2013 o pulso pulsará forte naquela tribuna, aguardem!!!!!

Juntos nessa caminhada!


O Natal e o fim de ano estão chegando. Momento especial para renovarmos a nossa amizade e o nosso compromisso de luta por uma vida melhor para todo o povo paraense.

 
Em 2011, será uma honra continuarmos juntos nesta caminhada de esperança e resistência popular. Lado a lado nas batalhas por novas conquistas e ampliação de direitos. Por justiça e liberdade, saúde e paz.

Que as conquistas deste ano, sejam sementes plantadas de fé no futuro virá.

Um forte abraço!

Viva os 175 anos da revolução Cabana!

Viva os mandatos do povo, com Edmilson e Marinor!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Solidariedade!

O Cebraspo e a Abrapo denunciam a prisão ilegal, as torturas, as falsas acusações e a manutenção desses 43 profissionais de saúde na prisão. Tratam-se de violações gravíssimas aos direitos do povo, sobre as quais ninguém pode ficar calado. Juntamo-nos ao povo filipino e povos em todo o mundo no repúdio a tudo isso, em solidariedade aos 43 em greve de fome e reivindicando a sua imediata libertação. Nesse ato, também protestamos em favor da libertação e respeito aos direitos de todos os presos políticos das Filipinas, que são vítimas das mesmas agressões autoritárias e imperialistas em muitos países.
Chamamos todos a fortalecer essa solidariedade e nela permanecer em favor dos 43 de Morong e outros presos políticos, especialmente Ipong, Serrano, Sarmiento e Esguerra, integrando o chamado internacional com medidas que incluem:

Emissão de declarações e ações de apoio e cobertura jornalística;
Encaminhamento de cartas ao Embaixador das Filipinas no Brasil, Oscar Valenzuela, através dos e-mails ambaphilbr@persocom.com.br e pg@persocom.com.br e do endereço SEN-Avenida das Nações, Lote 01, Brasília/DF, CEP 70431-900.
Encaminhamento de cartas à Secretária de Justiça das Filipinas, Leila M. de Lima, através do e-mail info@doj.gov.ph
Encaminhar cópia dos e-mails para cebraspo@gmail.com
Divulgar esta nota e mais informações, além de novas informações que serão emitidas ao longo do tempo;
Solicitar apoio financeiro e material para os 43 de Morong, outros presos políticos e suas famílias, e
Compartilhar idéias com as pessoas para que se possa ter uma variedade de ações de apoio.

LIBERDADE IMEDIATA PARA OS 43 PROFISSIONAIS DE SAÚDE DAS FILIPINAS!

O Cebraspo e a Abrapo, organizações comprometidas com a defesa dos direitos dos povos no Brasil e em todo o mundo, vêm manifestar seu apoio incondicional em favor da liberdade de 43 agentes de saúde filipinos, que foram sequestrados pelas Forças Armadas das Filipinas e posteriormente mantidos sob detenção até a presente data, e solicitar ampla divulgação do caso.

RESUMO DO CASO

Os profissionais de saúde são médicos, enfermeiros e auxiliares que conduzem serviços de saúde para as pessoas pobres em áreas rurais, onde o governo se recusa a oferecer atendimento médico e assegurar o direito à saúde daquelas populações. Foram sequestrados pelas Forças Armadas das Filipinas em 06 de fevereiro de 2010, quando participavam de um Treinamento de Primeiros Socorros na cidade de Morong, Estado de Rizal, nas Filipinas, promovido pela Fundação de Medicina Comunitária (COMMED) e pelo Conselho pela Saúde e Desenvolvimento (CHD).

Em torno de 300 militares armados invadiram o local do evento e em seguida acuaram, revistaram e algemaram os agentes de saúde. Levaram todos os pertences das vítimas e vendaram seus olhos com camisas velhas. Apenas depois de tudo isso é que apresentaram um mandado de busca de uma pessoa que nem sequer era proprietário do local ou participante da conferência. Após retirar as vítimas do prédio, plantaram provas incriminadoras no local, acusando-lhes falsamente de porte de explosivos e declarando que seriam supostos membros do Novo Exército do Povo (NPA), organização que conduz uma luta revolucionária naquele país há mais de 30 anos.
(Enviado por E-mail)

O Pará e sua divisão administrativa

A  divisão administreativa do Estado do Pará, também denominada de proposta de regionalização para o Estado do Pará surgiu da constatação de que as regionalizações estabelecidas pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – Mesorregião e Microrregião – não mais refletiam a realidade estadual.
A identificação das 12 Regiões de Integração levou em consideração as características de concentração populacional, acessibilidade, complementaridade e interdependência econômica. Ao todo foram utilizados doze critérios, os quais permitiram uma versão preliminar para a regionalização do Estado.
Os indicadores utilizados no estudo foram:
- População (IBGE 2000);
- Densidade Populacional (IBGE 2000);
- Concentração de Localidades (GEOPARÁ 2002);
- Repasse de ICMS (SEFA / 2º semestre de 2002);
- Renda per capita (IBGE 1991);
- Acessibilidade física (SIGIEP 2002);
- Consumo de Energia Elétrica (Rede Celpa 2002);
- Leitos por mil habitantes (DATASUS / SEEPS);
- Índice de Desenvolvimento Humano – IDH (PNUD 2000)
- Telefonia Fixa (Telemar 2002);
- Índice de Alfabetização (IBGE 2000);
- Fatores Geopolíticos.
A partir do cruzamento desses dados definiram-se 12 Regiões de Integração, as quais foram hierarquizadas em 4 níveis, em função de seu grau de acessibilidade, de dinâmica econômica, ocupação populacional e nível de acesso a equipamentos básicos e conectividade.

REGIÕES DE INTEGRAÇÃO:

1. Região Metropolitana (5 municípios)
2. Região Guamá (18 municípios)
3. Região Rio Caetés (15 municípios)
4.  Região Araguaia (15 municípios)
5. Região Carajás (12 municípios)
6. Região Tocantins (11 municípios)
7. Região Baixo Amazonas (12 municípios)
8. Região Lago de Tucuruí (7 municípios)
9. Região Rio Capim (16 municípios)
10. Região Xingu (11 municípios)
11. Região Marajó (15 municípios)
12. Região Tapajós (6 municípios)
-----------------------------------------------
Fonte: ZEE

MINERAÇÃO NA REGIÃO DE INTEGRAÇÃO: CARAJÁS (I)

Os dados da postagem especial "Mineração na Região de Integração de Carajás", fazem parte do estudo do Diagnóstico Sócio-econômico do ZEE _ Zoneamento Ecológico Economico do Estado do Pará, produzido por uma equipe da UFPA, coordenada pelo Professor Gilberto Rocha (Numa/Ufpa).

Resolvi publicar sobre a mineração para problematizar o mito do desenvolvimento e realidade das mazelas produzidas pela lógica deste modelo.

Contraponto & Reflexão - Informação a serviço de todos!

MINERAÇÃO NA REGIÃO DE INTEGRAÇÃO: CARAJÁS (II)

Mapa da Região de Integração de Carajás

MINERAÇÃO NA REGIÃO DE INTEGRAÇÃO: CARAJÁS (III)

Manganês – Rio Doce Manganês (RDM) / VALE – Parauapebas
 (Carajás)
  A mina iniciou a sua operação em 1985 com uma produção inicial de 200kt. Atualmente a usina de beneficiamento tem uma capacidade operacional de 2,35 Mt de minério por ano. O tratamento do minério consiste na britagem, moagem e classificação resultando em três tipos de minérios para a venda: granulado (granulometria entre 75 e 35 mm), médio granulado (35 – 9 mm) e sinter feed (9 – 0,15 mm). Em 2006 a produção da mina foi de 1,69 Mt e em 2007 houve uma redução para 0,94 Mt. A venda do minério destina – se em partes iguais para o mercado interno e para a exportação. O empreendimento gera 650 postos de trabalho.

Níquel – VALE – Parauapebas (Carajás) – Vermelho
  O depósito do vermelho foi descoberto em 1974 e a estimativa da reserva é de 290 Mt de níquel. A previsão para o início do projeto é o ano de 2012, e o investimento total do projeto é estimado em USD 1,9 bilhões, visando uma produção anual de 46 kt de níquel metálico, 2,8 kt de cobalto metálico e 0,5 kt de cobre metálico. A previsão de vida útil da mina é de quarenta anos.

 Cobre – VALE – Marabá – Salobo
  O deposito de cobre de Salobo é de 1.000 Mt de minério com um teor médio de 0,9% de cobre. A CVRD adquiriu o controle acionário da Salobo Metais da Anglo American em 2002. O beneficiamento do minério consiste na produção de um concentrado com teor de cobre entre 36% e 38%. O investimento previsto é de USD 855 milhões, para uma produção anual de 100 kt de cobre a partir do ano de 2010

MINERAÇÃO NA REGIÃO DE INTEGRAÇÃO: CARAJÁS (IV)


Ferro – CVRD – Parauapebas (Carajás) – Serra Norte
  A mina de ferro do complexo Serra Norte em Carajás iniciou a sua produção em 1984. Atualmente, tem 18 frentes de lavra em operação distribuídas em cinco cavas.

 Manganês – Buritirama – Marabá
  O depósito que deu origem a mina foi descoberto em 1966 pela Cia. Meridional de Mineração, uma subsidiária da US Steel. O tamanho da reserva é de 18,4 Mt. A relação minério / estéril é de 0,3 / 1,0. A mina iniciou a sua produção em 1994. Ela está distante de Marabá 135 km, onde a empresa mantém um pátio de estocagem. A comercialização do minério é feita através do porto de Vila do Conde em Barcarena (PA). Todo o transporte é rodoviário

TERRITÓRIO SUDESTE PARAENSE

Fonte LASAT



Criado no ano de 2003 no âmbito da Política Territorial do MDA/SDT, tinha como composição inicial: Marabá São Domingos do Araguaia, São João do Araguaia, Nova Ipixuna, Itupiranga, Eldorado do Carajás e Parauapebas.

Sua estrutura inicial de gestão era coordenada a partir do CIAT – Comissão de Implantação das Ações Territoriais,  um grupo formado por organizações públicas e não-governamentais, responsáveis pela condução das discussões e ações relativos ao território  sudeste paraense.

A partir de 2008 foi criado o CODETER - Comissão de Desenvolvimenteo Territorial, e recentemente o território se ampliou com inclusão dos municípios de: Canaã dos Carajás, Curionópolis, Palestina do Pará,Brejo Grande do Araguaia, São Geraldo do Araguaia, Piçarra, Bom Jesus do Tocantins, Abel Figueredo e Rondo do Pará, passando a contar 16 municípios.
-----------------------------------------

Objetivos:

Promover a articulação das politicas públicas;
Fortalecer as redes sociais de cooperação;
Dinamizar economicamente os territórios;
Buscar a gestão integradas de politicas para reduzir as desigualdades sociais

--------------------------------------------

Para Refletir:

 


 (...) um território, antes de ser uma fronteira, é primeiro um conjunto de lugares hierarquizados, conectados a uma rede de itinerários. (...) A territoprialização (...) engloba ao mesmo tempo aquilo que é fixação, [enraizamento] e aquilo que é mobilidade, em outras palavras, tanto os itinerários quanto os lugares.
(BONNEMAISON apud HAESBAERT, 2004, p.280)