segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Pensando bem!

Grande parcela dos analistas políticos se converteu em fanáticos torcedores (de Dilma ou de Serra). Agora, eles se dedicam a chorar a derrota ou cantar a vitória de seus preferidos. Não têm olhos para o país que preferiu, por exemplo, curtir o feriadão

3 comentários:

Anônimo disse...

Enquanto tivermos a quantidade de feriados que temos, nunca deixaremos de ser pobres.

Ninguém no Congresso aparece para falar na diminuição dos feriados, pelo menos em 75%, mas tem gente que fala em reduzir a jornada semanal de trabalho.

Dizem que no Japão a jornada diária é de mais de 10 horas. Não sei se é verdade, só sabemos que eles lá estão muito bem financeiramente.

E ainda criticam ao Jatene. Pode?!

Anônimo disse...

Rapaz, tu anda vagando em que paragens?

Anônimo disse...

Nas paragens do trabalho, da produção, do crescimento. E você?