terça-feira, 27 de julho de 2010

Investigação

O promotor militar Armando Brasil Teixeira abriu hoje investigação para apurar o aluguel de 450 carros de passeio pela Polícia Militar do Pará, num contrato firmado pelo prazo de dois anos, ao custo de R$ 20 milhões, com a empresa Delta Construções. Ele informou que intimou o comandante-geral da PM, coronel Augusto Leitão, a explicar por que houve dispensa de licitação. Também será investigada a adequação dos veículos à atividade policial, já que eles não possuem estrutura para conduzir presos, e se há motoristas habilitados para dirigi-los. (Estadão)

----------------------

Bastou os jornais, blogs, radio e Tvs, fazerem a denuncia que já foiaberta as investigações sobre o caso da farra do aluguel dos carro para PM.

O blog acompanhará o caso.

Nenhum comentário: