sexta-feira, 12 de março de 2010

A falência da prefeitura

O PPS que hoje é o úncio aliado do PSDB no Pará comanda prefeitura de Tucuruí

Esta administração bateu o Record ao falir a prefeitura com menos de um ano de "administração". A representante do SINTEP descreveu a situação caótica em que se encontra a Educação municipal, a saúde pública está doente em faze terminal, e isso é apenas a ponta do iceberg. Muitas outras secretarias somente funcionam, ainda que de forma precária, graças ao espírito de colaboração dos funcionários, tudo está racionado, material de limpeza, material de expediente, e até materiais básicos como papel higiênico e copos descartáveis.
Os bebedouros da PMT são um foco expressivo de contaminação, já que a população que precisa ir até um órgão do município é obrigada a reutilizar os copos descartáveis, se expondo a inúmeras doenças infecto contagiosas, já as mulheres são as que mais sofrem com a falta de papel higiênico (isso é óbvio). Até para tomar um simples cafezinho os funcionários são obrigados a fazer coletas.
Precisamos e queremos saber como a PMT está gastando o dinheiro dos repasses. Infelizmente, quem deveria dizer (o prefeito) não diz, e quem deveria saber (vereadores) até por obrigação, também não dizem, até porque não sabem.
Enquanto isso o povo sofre, e a imprensa alugada diz que tudo está às mil maravilhas.
Para eles deve estar mesmo...

http://folhadetucurui.blogspot.com/2010/03/falencia-da-prefeitura.html

Nenhum comentário: