terça-feira, 2 de março de 2010

Diagnósticando

Propaganda de interesses políticos tem provovido uma acelerada migração para Marabá e região. A população pobre migra em busca de um emprego que não vai estar ao seu alcance devido não ter qualificação exigida. Com isso, vão inchando as periferia, submetiodos a uma situação de violência, miséria e doenças constantes. Em Marabá é anunciado para os próximos 5 anos o dobro da população hoje existente ( segundo o IBGE 203.049), nas projeções serão em torno 500 mil.


------------------------------

Recentemente a Vale em parceria com algumas instituições resolveu financiar alguns cursos, entre eles estão organizador de talheres, camareira, recepcionista e outros nessa mesma linha. Em que medida estes cursos vão potencializar seus "alunos" a ganhar uma vaga no mercado de trabalho? Seria mais um engodo, uma forma de fantasiar a cabeça da juventude, criando expectativas por uma vaga de trabalho.

Um comentário:

Anônimo disse...

É exatamente isso. E o poder público local convenientemente balança afirmativamente a cabeça pra isso.