quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Separar para quem?

Grupos econômicos dos estados do Tocantins, Mato Grosso, Goiás e MInas fazem a festa pela aprovação da "provável" consulta polular a ser feita através de um plebiscito para saber se o POVO deseja a separação ou não!

Acontece que sempre às vésperas de cada eleição ocorre o agrupamento de entes das elites regionais movidas mais por paixões do que razões, para justificar a repartição do Pará.

Assim também ocorre na região do Tapajós.

Estudos do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) indicam a inviabilidade de criação de novos estados. Veja AQUI

--------------------------------------------

Reforma Agrária?

Fim de isenção de ICMS para Vale?

Nenhum comentário: