sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Transgênicos são proibidos em escolas públicas de Fortaleza




A Câmara Municipal de Fortaleza (CE) mostrou que está atenta à qualidade da alimentação de crianças e adolescentes da Rede Pública Municipal de Ensino. O Projeto de Lei de autoria do vereador João Alfredo (PSOL) que proíbe a utilização de alimentos transgênicos nas escolas foi aprovado por consenso na manhã desta terça-feira (20/10). Agora, a proposta segue para redação final.
Destacando a importância de tal decisão, o vereador explicou que o projeto foi inspirado em sua militância no Greenpeace, ONG ambientalista na qual atuou como consultor de políticas públicas. Segundo ele, é fruto, ainda, da "luta em defesa da biossegurança, do princípio da preocupação e da defesa de uma alimentação saudável para nossas crianças". Adital
--------------------------
Em Marabá com privatização da merenda escolar, a empresa EB Alimento tem cada vez mais artificializado a tal de "refeição escolar", nome dado pelo governo municipla para melhorar a "qualidade " da merenda.

Nenhum comentário: