sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Eleição na UFPA: Resultado ainda indefinido

As eleições para reitor da Universidade Federal do Pará (UFPA) permaneciam sem um resultado oficial até esta manhâ, quando a Comissão Eleitoral liberou o último boletim sobre a apuração. Informações confirmadas diziam que ainda restavam ser sistematizados na totalização do resultado pouco menos de mil votos. Mas, segundo informações, esses votos não iriam alterar a ordem do resultado, que dava como certa a vitória da chapa de Maneschy nas eleições.

A comissão eleitoral informou à comunidade universitária que somente hoje à tarde iriam liberar o resultado oficial das eleições.

O que prevalece é a derrota da candidata do atual Reitor Alex Fiuza de Melo e de alguns prefeitos da região sul do Pará que apoiaram a candidata alexista.

2 comentários:

Fabiano Pebas disse...

Nesta semana, foi realizada a eleição para reitor da UFPA. Em Marabá a professora Ana Tancredi, venceu os candidatos do atual reitor. Isso demonstra que por aqui, não há mais paciência da comunidade acadêmica de engolir os mandos e desmandos da atual gestão da UFPA, tanto de Belém, quanto local.
Nos últimos anos a universidade na região, não tem estabelecido diálogos com a sociedade e nem discutindo o modelo de desenvolvimento local, dentre outras atividades inerentes a sua função social. Dentro da UFPA em Marabá só se preocuparam em cada um cuidar dos seus interesses e o conjunto da universidade, pouco ralizaou efetivamente para o cumprimento do seu papel de instituição no sentido literal do termo.

Barata disse...

Substituir a pressa pela serenidade, o impulso pela reflexão e o egoísmo pela generosidade, além, é claro, de privilegiar aquele mínimo de transparência da qual anda órfã a UFPA (Universidade Federal do Pará). Essas são as expectativas suscitadas mais imediatamente pela eleição do professor Carlos Maneschy como o novo reitor da UFPA, em substituição ao professor Alex Bolonha Fiúza de Mello, cujo segundo mandato se encerra a 2 de julho de 2009