quinta-feira, 27 de dezembro de 2007

EDUCAÇÃO X DESDUCAÇÃO

Mais da metade dos jovens do País não estuda

Mais da metade (53,1%) dos jovens brasileiros não estuda em qualquer
modalidade de ensino, segundo dados do Índice de Desenvolvimento Juvenil
(IDJ) 2007, relatório que investiga a situação econômica e social da
juventude brasileira, divulgados hoje, em Brasília.
O índice só é menor que 50% em seis Estados: Amapá (44,4%), Amazonas
(49,3%), Piauí (46,9%), Sergipe (48,9%), Rio de Janeiro (45,7%) e Distrito
Federal (45,9%). Além disso, ao analisar o percentual de quem estuda,
verificou-se que mais de 50% não se estão nas séries correspondentes às
idades.

"As distorções assinaladas se estendem além do ensino fundamental. Na
faixa
etária que vai dos 15 aos 24 anos, seria de esperar que os jovens
estivessem
cursando, no mínimo, o ensino médio ou correspondente, ou estivessem em
níveis mais adiantados. Não é a realidade observada", diz o relatório.

Nem estudo, nem trabalho

O relatório mostrou também que 51% dos jovens brasileiros exercem algum
tipo
de atividade remunerada. Destaca-se a região Sul, com 57,5% dos jovens
trabalhando, especialmente Santa Catarina, onde 61,9% dos jovens estão
inseridos no mercado.

Nenhum comentário: